Desde o início do Reality da Soja 2023/24, acompanhamos de perto os desafios e triunfos do produtor e influencer João Pierobon em sua jornada agrícola.

A cada episódio, vimos como João enfrentou as adversidades climáticas, as ocorrências de pragas e doenças, aplicou novas tecnologias e estratégias de manejo, e agora, com a colheita finalizada, estamos prestes a descobrir o resultado final dessa safra desafiadora.

Leia também:

Reality da Soja 2023/24: os bastidores do maior cultivo do mundo

Cultura da soja: desafios e oportunidades em 2024

Colheita da soja: andamento e perspectivas da safra 2023/24

Primeiros passos: estabelecendo a base para uma safra de sucesso

Em sua fazenda em Santa Bárbara D’Oeste (SP), João deu início aos trabalhos com a avaliação pré-dessecação da área e constatou os motivos que levaram à maior pressão de daninhas em relação ao ano anterior. 

Com o acompanhamento da equipe técnica da Syngenta, deu início aos manejos com a dessecação pré-plantio e o manejo inicial de plantas daninhas, utilizando estratégias como a tríplice mistura e a aplicação sequencial para buva, com herbicida de contato e herbicida pré-emergente, para garantir um bom início para seu cultivo de soja.

Com relação ao Tratamento de Sementes, João optou pela utilização do Pérola Negra em toda a área cultivada, após resultados positivos na safra anterior, abordagem consolidada em diálogos com especialistas em TSI em visita ao Seedcare Institute. Relembre, abaixo, o primeiro episódio da segunda temporada do Reality da Soja:

Com o plantio consolidado, a aplicação zero foi um movimento estratégico no estágio vegetativo da soja – entre v3 e v5 – visando o controle de doenças causadas por fungos necrotróficos (que podem já estar presentes na área no momento do plantio) e a manutenção das folhas do baixeiro, que fazem toda a diferença no potencial produtivo da cultura.

Além da porteira: conhecendo outras realidades agrícolas

João expandiu suas experiências para além de São Paulo, visitando a Fazenda São Sebastião, em Santa Catarina.

A interação com o agrônomo Ricardo Granzotto ofereceu uma perspectiva sobre a importância da sucessão e da inovação na agricultura. A visita ilustrou como a integração entre pecuária e agricultura pode ser uma estratégia eficaz para melhorar a fertilidade do solo e a resiliência das lavouras.

Foram abordados também os desafios impostos pelo excesso de chuvas causado pelo fenômeno El Niño, com a saturação de água em algumas áreas de soja, levando a erosões e, consequentemente, o impedimento do uso de plantadeiras, além das perdas resultantes de falhas no estabelecimento de estandes que, sem dúvida, impactam a produtividade final. Reveja, a seguir, o segundo episódio:

O manejo pré-fechamento diante dos desafios climáticos

Também acompanhamos João Pierobon em um momento crucial da safra de soja 2023/24, marcado por adversidades climáticas em todo o Brasil. Durante a fase de pré-fechamento das lavouras, a falta de chuva e as altas temperaturas já refletiam seus efeitos nas plantas.

João destacou a importância de continuar cuidando da lavoura, mesmo diante do estresse hídrico e das altas temperaturas. Ele, Karina Krieger e Ricardo Braz, focaram no manejo de doenças e pragas, considerando a realidade de cada área para escolher as melhores estratégias de intervenção.

Pensando em doenças foliares, o time técnico forneceu recomendações específicas de tratamentos, com base no histórico de cada área, no material utilizado e sua suscetibilidade, além das condições climáticas previstas, buscando a melhor eficiência no controle das doenças.

Para o manejo de pragas, foi introduzido um novo conceito que ampliou o espectro de controle, estendendo a proteção por mais dias. Isso foi fundamental diante das mudanças climáticas que afetaram a dinâmica das pragas, exigindo uma evolução no manejo. Confira o episódio abaixo:

Compartilhando conhecimento: visita à Syngenta e Dia de Campo

Na segunda temporada do Reality da Soja, também tivemos a oportunidade de acompanhar João Pierobon em uma visita enriquecedora à área de pesquisa da Syngenta, com um tour pela área de protocolo e capacitação técnica, passando pelas estações de tratamento de sementes, herbicidas, fungicidas e inseticidas, onde conferimos testes lado a lado que comprovam a eficiência dos protocolos e ajudam o time Syngenta a levar as melhores estratégias para os produtores rurais.

Durante a visita, João e o time da Syngenta discutiram sobre a anomalia da soja, um problema emergente que afeta as lavouras. Foi destacada a importância de estratégias preventivas e a eficácia das soluções desenvolvidas, como o uso de carboxamidas e solatenol, para combater essa condição. Reveja o episódio a seguir:

Também acompanhamos o Dia de Campo realizado na propriedade do João. O evento reuniu agricultores para compartilhar experiências e conhecimentos sobre as práticas adotadas na lavoura de João, mostrando o impacto positivo do tratamento de sementes e outras estratégias de manejo.

Especialistas da Syngenta compartilharam insights e demonstraram as vantagens das tecnologias empregadas, fortalecendo a comunidade agrícola por meio da troca de conhecimentos e experiências. 

Contagem regressiva: aguardando os resultados da safra

Agora, com a colheita finalizada, a expectativa é grande para saber como cada talhão, adaptado às suas necessidades específicas, se comportou diante de todos os desafios enfrentados.

Como as diferentes áreas de sua fazenda responderam às inovações e aos desafios climáticos? Quais estratégias se mostraram mais eficazes? Essas são as perguntas para as quais em breve teremos as respostas.

Acompanhe o Mais Agro, as nossas redes sociais e inscreva-se no canal do YouTube para não perder o encerramento da segunda temporada do Reality da Soja!

A Syngenta está ao lado do produtor rural em todos os momentos, oferecendo as soluções necessárias para construirmos, juntos, um agro cada vez mais inovador, rentável e sustentável.

Confira a central de conteúdos Mais Agro para ficar por dentro de tudo o que está acontecendo no campo.