O produtor de milho já está planejando o início de uma nova safra. Durante esse processo, buscar ferramentas para o melhor desempenho da cultura é de extrema importância. Entre as principais medidas para alcançar bons resultados ao final da produção, está o tratamento de sementes (TS).

Contra prejuízos causados por pragas e doenças antes, durante e após a germinação da semente, o TS pode ser realizado de duas formas: na fazenda (On Farm), pelo próprio produtor; ou na indústria (TSI), por profissionais especializados. O primeiro oferece a comodidade de tratar as sementes na própria fazenda e a custos reduzidos, entretanto, demanda cuidados na operação e equipamentos próprios, que devem ser calibrados para que não comprometam a fisiologia e a qualidade das sementes.

Por outro lado, o industrial confere mais qualidade, segurança e conveniência ao produtor, pois a semente é tratada com produtos e equipamentos de alta tecnologia, evitando danos mecânicos, além da aplicação correta da dose dos defensivos em cada semente.

 

Diante desses fatos, o TS é ponto-chave para um bom arranque inicial, proporcionando uma lavoura saudável e produtiva. Além de proteger as plantas contra danos causados por pragas e doenças que são recorrentes nesse período inicial, o tratamento de sementes também impede a disseminação para novas áreas de cultivo. Outro fator importante no TS é a escolha de soluções que, além de proteger as plantas contra pragas e doenças, apresentam em sua composição bioestimulantes para um melhor desenvolvimento dos vegetais e auxiliam estes a passarem pelo período crítico, momento de maior suscetibilidade às ameaças, de forma mais acelerada.

As principais ameaças no período inicial

A fase inicial do plantio é uma das mais sensíveis, já que os danos causados nesse momento podem se tornar irreversíveis, chegando a afetar até 100% da produção de milho e, por vezes, sendo necessário o replantio, aumentando o custo do produtor.

Essas ameaças podem, inicialmente, passar despercebidas pelo agricultor, dificultando o emprego de medidas para o seu controle. Veja algumas das principais pragas e doenças que podem comprometer o estabelecimento inicial da lavoura de milho:

Pragas

  • percevejo-barriga-verde (Dichelops furcatus);

  • lagarta-elasmo (Elasmopalpus lignosellus);

  • lagarta-do-cartucho (Spodoptera frugiperda);

  • lagarta-rosca (Agrotis ipsilon);

  • coró (Liogenys fuscus)

  • cigarrinha-do-milho (Dalbulus maidis).

Vale ressaltar que existem diversas doenças que podem acometer a cultura do milho e a disseminação destas podem ocorrer de diferentes maneiras.

Uma delas é a disseminação através da semente contaminada. Uma vez infectada pelo patógeno, este pode ser propagado para todo o cultivo, causando severos danos às culturas. Estes patógenos, em condições favoráveis, sobrevivem nas sementes de um ano para outro ou até por um período mais longo durante o armazenamento.

Outro fator que requer atenção são as áreas que apresentam histórico de doenças causadas por fungos presentes no solo, podendo prejudicar a performance da lavoura, caso as sementes não estejam tratadas com soluções que auxiliem na proteção contra esses patógenos.

Algumas dessas doenças que podem acometer a cultura são:

  • podridão-do-colmo (Fusarium moniliforme);

  • bolor-azul (Penicillium oxalicum);

  • antracnose-do-colmo (Colletotrichum graminicola);

  • podridão-branca-da-espiga (Stenocarpella maydis);

  • podridão das raízes (Pythium spp).

Por isso, é fundamental que o produtor invista no tratamento de sementes para proteger a lavoura, extrair o máximo potencial produtivo do milho e gerar maior rentabilidade.

Custo-benefício de um TS bem feito!

As vantagens do TS na lavoura como a manutenção do estande e a uniformidade de plantas animam o investimento nessa prática, pois contribuem para o aumento da produtividade a um baixo custo.

De acordo com a revista Campos & Negócios, a demanda da produção de semente cresceu gradativamente nas últimas décadas, consagrando o Brasil como um dos maiores produtores de sementes, movimentando em torno de US$ 4 bilhões ao ano.

Entre todos os insumos utilizados na produção agrícola, a semente é o item de maior valor agregado, afinal são elas que carregam a genética de um cultivar. Assim, o avanço em pesquisa e inovação tecnológica cresceu junto com o mercado brasileiro.

E através do TS, essas sementes de qualidade passam por procedimentos eficientes que proporcionam seu desenvolvimento, por meio de soluções altamente eficazes no combate desses inimigos, antes que eles possam causar danos à produção, protegendo a biotecnologia e o investimento do produtor.

Assim, no momento do plantio, o produtor pode aliar bons índices de produtividade e rentabilidade a partir da escolha de sementes de qualidade tratadas com soluções de alta performance, para sua proteção contra pragas e doenças.

Aumente a produtividade da sua lavoura com o TS

Como pôde ser visto, são inúmeros os benefícios ao utilizar sementes tratadas em sua lavoura. Além de combater pragas e doenças que podem gerar prejuízos irreversíveis ao produtor, essa técnica conta com outros diferenciais. Confira a seguir:

  • influencia positivamente na fisiologia da planta, gerando um melhor enraizamento e uma maior resistência às pragas;

  • mantém a qualidade das sementes em relação ao vigor e à germinação;

  • minimiza os impactos ambientais, devido à menor quantidade de ingrediente ativo por área, quando comparado às aplicações foliares de produtos.

Sempre atenta às necessidades e desafios encontrados no campo, a Syngenta conta com o Instituto Seedcare, um renomado centro de pesquisa que desenvolve tecnologias e soluções para o tratamento de sementes de diversas culturas. A seguir, conheça as soluções para a cultura do milho.

Leia também

Syngenta amplia qualidade de bioestimulantes com aquisição de Valagro

TS Milho: 3 soluções poderosas da Syngenta!

Cruiser® Turbo

É uma oferta dois produtos: o inseticida Cruiser 600 FS e o bioestimulante Epivio® Vigor.

Cruiser 600 FS oferece controle eficiente de insetos sugadores, além de alta solubilidade e seletividade, pois é extremamente seguro para as sementes de milho, sem causar danos fisiológicos. Já Epivio® Vigor enriquece a microflora e a rizosfera, gerando melhor enraizamento e nutrição e, consequentemente, proporciona melhor preparação, mais saúde vegetal, vigor e energia à planta.

Entre seus benefícios estão:

  • Alta performance no controle de pragas iniciais;

  • Efeito bioestimulante para o máximo arranque inicial;

  • Seletividade à cultura do milho.

Essa combinação prepara a planta para enfrentar condições edafoclimáticas adversas, proporcionando um sistema radicular mais forte, bom estabelecimento da cultura, melhor uniformidade da lavoura e ganhos expressivos em produtividade.

Fortenza® Duo

É o mais poderoso tratamento de sementes inseticidas do mercado. Sua combinação de dois ativos inseticidas – ciantraniliprole e tiametoxam -, forma uma tecnologia que proporciona maior espectro de controle de pragas e efeito residual prolongado.

Fortenza® Duo também é uma importante ferramenta para associação com biotecnologias, pois complementa o seu efeito de supressão para controle de lagartas. Com o efeito residual prolongado do produto, você protege as sementes, o investimento e a produtividade da sua lavoura.

Maxim® Quattro

É um fungicida para tratamento de sementes que foi desenvolvido para o manejo de doenças iniciais na cultura do milho.

Maxim® Quattro conta com uma mistura de quatro ingredientes ativos, atuando em diversos processos metabólicos, agindo contra uma ampla gama de fungos do solo e das sementes.

Os diferenciais do fungicida Maxim® Quattro para o milho são:

  • Múltiplos modos de ação para proteção contra doenças transmitidas pela semente e pelo solo;

  • Atividade sistêmica e de contato, para proteção duradoura contra as doenças;

  • Menor dosagem por saca;

  • Proteção da genética com manutenção do potencial produtivo;

  • Eficácia contra um amplo espectro de doenças do milho.

TS da Syngenta é lavoura protegida desde o início

Além dessas 3 soluções apresentadas acima, o produtor de milho pode contar com um portfólio de produtos completo, onde está disponibilizada a mais alta tecnologia para proporcionar os cuidados necessários à lavoura durante todo o ciclo da cultura, alcançando o máximo em produtividade e patamares elevados em rentabilidade.

A Syngenta está ao lado do produtor rural em todos os momentos, com o objetivo de impulsionar o agronegócio brasileiro com qualidade e inovações tecnológicas.

Acesse o portal da Syngenta e acompanhe os conteúdos do Mais Agro para saber tudo o que está acontecendo no campo!

, ,